COMO DISTINGUIR A “ESQUERDA DA DIREITA” ???

Foto: foto/imagem pública Prof. Afranio Jardim-internet

RESPOSTA SINGELA E SIMPLISTA QUE O PROFESSOR AFRANIO SILVA JARDIM DEU A UM LEITOR DA SUA PÁGINA:
COMO DISTINGUIR A “ESQUERDA DA DIREITA” ???

“Afrânio Silva Jardim: Reuel Vieira Ruel, o tema é complexo e há muitos livros e teses cuidando disso.

Posso, em resumo, dizer: o pensamento de esquerda prioriza a justiça social, sustentando que o Estado Popular deve assegurar, no mínimo, as mesmas oportunidades para todos.

Para isso, os chamados “bens de produção” devem ser gerenciados pelos trabalhadores, que são aqueles que realmente produzem a riqueza. As riquezas produzidas pela mão dos trabalhadores e trabalhadoras devem ser distribuídas e não concentradas nas mãos de uns poucos. Ninguém pode explorar o trabalho alheio.

Os valores da esquerda são a solidariedade e igualdade. Busca-se uma sociedade justa, sem explorados e exploradores.

Já a chamada “direita” privilegia a competição e a concorrência na sociedade. É individualista.

Acredita que a livre iniciativa na economia vai fazer a sociedade se desenvolver. Aposta no lucro, na cobiça, embora acredite que os empresários são “bondosos”, pois criam empregos. Querem liberdade na economia, mas são “castradores” no que diz respeito à evolução dos costumes na sociedade. Neste particular, quase sempre a direita é conservadora ou mesmo reacionária.

A direita fala em total liberdade. Entretanto, tal liberdade é meramente abstrata pois, no mais das vezes, não é o Estado que a subtrai. No dia a dia das pessoas, a liberdade é suprimida pela relação privada de emprego.
Através do contrato de trabalho, mormente em uma sociedade onde não há pleno emprego, tenho que obedecer ao meu patrão, tenho que a ele ser submisso.
Muitas vezes, se o empregado não for um “bajulador” do seu patrão, pode ser colocado no “mar da amargura”. As pessoas saem de casa com o risco de voltarem desempregadas.
Isto não ocorre com os funcionários concursados, que têm estabilidade no serviço público ou em uma sociedade coletivizada, onde o patrão seja uma cooperativa de trabalhadores.

Minha empregada doméstica tem liberdade para viajar para Paris ou Londres. Entretanto, ela pode efetivamente exercer esta liberdade?

Posso dizer o que desejo aqui, atingindo centenas de pessoas. Entretanto, de noite, a TV Globo destrói tudo, atingindo mais de 20 milhões de pessoas …

Dizem que antes de distribuir, é preciso fazer “crescer o bolo”. Sucede que raramente o “bolo cresce” e, quando cresce, eles não querem distribuir…

A esquerda pode ser um pouco utópica, mas a “poesia” está com ela. A direita aposta no egoísmo do ser humano, cria uma sociedade individualista e indiferente à dor alheia. Um verdadeiro “darwinismo” social. Que vençam os mais astutos, os mais aptos ou os mais “fortes”!

Esta, evidentemente, é a minha avaliação. Avaliação de alguém que sempre se negou a aceitar uma sociedade onde crianças peguem comida no lixo e mães assistem a seus filhos morrerem por falta de dinheiro para tratá-los das suas doenças graves. Não me conformo com esta miséria, embora este “sistema econômico” sempre me tenha sido favorável. Por isso, julgo ter legitimidade para criticá-lo: não falo em causa própria (ao contrário).

Enfim, por tudo isso, me insiro no pensamento de esquerda. O grande problema é conseguir uma sociedade justa sem sacrificar a liberdade individual, efetiva e concreta, pois ninguém abre mão de seus privilégios senão pela coerção.

A utopia é como o horizonte; está sempre distante. Entretanto, ela é que nos faz caminhar, (conforme texto citado por E.Galeano). Caminhemos sempre …

Afranio Silva Jardim – professor de Direito da Uerj.”

 

_________________________________________________________________

Diálogos anexos sobre o mesmo, mais do mesmo: 

 

Mas me digam. Onde o socialismo deu certo?

Afrânio Silva Jardim Na verdade, o homem é capaz de produzir excelentes idéias e cunhar valores corretos. Entretanto, ainda não conseguiu aplicá-los inteiramente. Os defeitos intrínsecos ao ser humano torna difícil a aplicação prática das suas boas idéias. Nada obstante, não podemos esquecer que a Rússia, em 1917 e a China, por volta de 1950, estavam praticamente ainda na idade média (atrasados, em todos os sentidos). Cuba era um “quintal” dos Estados Unidos, lugar em que seus milionários iam se divertir e prostituir a ilha. Houve ganhos econômicos e sociais, apesar dos erros cometidos. Afranio.

Não. SR. Comuna…

Afrânio Silva Jardim Caríssimo, me desculpe, mas, provavelmente, você não sabe o que efetivamente é o comunismo. Não deve ter lido sobre o tema nada mais do que o jornal O Globo e a Revista Veja…Com esta expressão, você não me ofende. Você me ofenderia se me chamasse de fascista ou direitista. Afranio.

Estamos vivendo 30 anos de esquerda no Brasil e o trabalhador continua mais pobre. Por o socialismo é uma utopia, distribui pobreza, nivela todos por baixo. A isso chamam de igualdade. Os países socialistas só existe miséria. A esquerda é burra. A esquerda destrói a educação pública em nome de uma liberdade utópica, o trabalhador desqualificado não tem a consciência que a profissionalização é o caminho.

Andrea Tinoco Na verdade, a direita nunca deixou de Governar no país durante os 13 e não 30, porque os vices eram de direita, com maioria nas casas Legislativas e nos Ministérios. Cansada dessas frases feitas de a esquerda quebrou o país.

O que impede a perfeição socialista são as imperfeições humanas. Quando se tentou aplicar a fórmula perfeita matou-se milhões de imperfeitos.

Manoel Lucena Santos A competição, o individualismo, o egoísmo, a ambição, a vaidade e o orgulho estão na raiz do sofrimento humano, não a toa, há 2000 anos, um Galileu chamado Jesus nos convidava à reflexão sobre a solidariedade e o amor ao próximo. Continuamos atrasados e nem disfarçamos nossa indiferença em relação ao sofrimento alheio.

Na Europa toda ou na sua maioria o socialismo tem norteado os rumos do estado social,sociedades mais justas e e felizes são as de caráter social responsável, Dinamarca, Suécia ,Holanda.

A melhor e mais clara explicação, em uma linguagem de fácil entendimento, mas infelizmente a maioria que não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.

NO CAPITALISMO  “Dizem que antes de distribuir, é preciso fazer “crescer o bolo”. Sucede que raramente o “bolo cresce” e, quando cresce, eles não querem distribuir..” É exatamente assim.

_________________________________________________________________

Biografia

Afrânio Silva Jardim é um dos maiores processualistas do Brasil. É livre-docente em processo penal pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e mestre em Direito das relações sociais pela Universidade Gama Filho (UGF).

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s